Internacional

Homem de 40 anos detido por violência doméstica tinha várias armas na sua posse

A vítima, uma mulher de 40 anos, era alvo de agressões físicas e psicológicas, "tendo ainda sido ameaçada pelo suspeito com recurso a uma arma de fogo".

A Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Posto Territorial do Cartaxo, deteve, no passado domingo, um homem de 40 anos por violência doméstica. Foram apreendidas várias armas.

Os agentes deslocaram-se para o local, no concelho do Cartaxo, "no seguimento de uma denúncia que estaria a ocorrer uma situação de violência doméstica". A vítima, uma mulher de 40 anos, era alvo de agressões físicas e psicológicas, "tendo ainda sido ameaçada pelo suspeito com recurso a uma arma de fogo", explica a GNR, em comunicado divulgado esta terça-feira.

Foi realizada uma busca domiciliária que culminou com apreensão do seguinte material: duas caçadeiras de calibre 12, uma catana, um machado, uma cartucheira, 25 cartuchos de calibre 12, 38 munições de diversos calibres e duas caixas de chumbos de 5.5 mm.

O detido foi presente, esta terça-feira, ao Tribunal Judicial de Santarém, tendo ficado sujeito a proibição de contactar, por qualquer meio, com a vítima, proibição de permanecer na residência da mesma e proibição de adquirir armas de fogo ou munições, bem como armas brancas.