Sociedade

Johnson & Johnson vai adiar entrega de vacinas na Europa

Decisão surge poucas horas depois de o regulador norte-americano ter recomendado suspensar a vacinação do fármaco no país após terem sido registados seis casos de coágulos sanguíneos.

O grupo Johnson & Johnson anunciou, esta terça-feira, que decidiu adiar a entrega da sua vacina contra a covid-19 na Europa. A decisão surge poucas horas depois de o regulador norte-americano ter recomendado suspensar a vacinação do fármaco no país após terem sido registados seis casos de coágulos sanguíneos.

"Estamos a analisar estes casos com as autoridades de saúde europeias. Proativamente, tomámos a decisão de atrasar a distribuição da nossa vacina na Europa", lê-se num comunicado, citado pela Bloomberg.

Portugal deveria receber, esta quarta-feira, 30 mil doses da vacina da farmacêutica Janssen, pertencente ao grupo Johnson & Johnson.