Vida

Radialista francês goza com portugueses, mas Luís Franco-Bastos responde-lhe na mesma moeda

"[...] Os portugueses vestem-se como em 2008 e os rapazes colocam gelo [numa alusão à cera ou gel] no cabelo com efeito ‘cimento’, porque eles são portugueses", disse Philippe Caveriviere na sua crónica na rádio RTL. 

O comediante Luís Franco-Bastos usou o seu espaço na rádio RFM para responder ao comentário que o radialista Philippe Caveriviere fez sobre os portugueses na rádio francesa RTL.

Caveriviere disse que esteve em Portugal e, na sua crónica, falou sobre o nosso país e principalmente sobre o povo português. "[...] Os portugueses vestem-se como em 2008 e os rapazes colocam gelo [numa alusão à cera ou gel] no cabelo com efeito ‘cimento’, porque eles são portugueses. O resultado é que estão todos penteados como Jonathan Daval [referindo-se a um criminoso francês]".

O radialista não ficou por aqui e ainda teceu algumas críticas sobre o estilo de Cristiano Ronaldo. "Ele é um bom exemplo do mau gosto português, porque Ronaldo, o gajo é bilionário, já viu como ele se veste? Ele veste-se de forma dispendiosa, mas mal".

"Na verdade, todos os jovens portugueses usam óculos dourados, tatuagens ‘Only God Can Judge Me’ e t-shirts demasiadamente apertadas. É estranho que um país inteiro queira parecer-se com os concorrentes de reality show, é como se houvesse uma criação de gado", rematou Philippe Caveriviere.

Luís Franco-Bastos sentiu a necessidade de responder e tal como o francês usou a rádio para difundir o seu direito de resposta.

"Vi a crónica dele e achei alguma graça porque acho que é importante sabermos rir de nós próprios. Agora, acho tão importante que também quero dar aos franceses a oportunidade de se rirem deles próprios", começa por dizer o comediante.

"[...] Fui investigar o Philippe Caveriviere, vi algumas fotos e tenho a dizer que não recebo dicas de pessoas que, tal como ele, usam colares de madeira. É um homem de meia idade que vai para a rádio com um colar de madeira ao pescoço. Quer dizer, nós estamos em 2008, mas ele vai para a rádio vestido como o Tarzan... Portanto, quem é que está pior?", questionou.

Já em relação ao estilo de CR7, Franco-Bastos defendeu o jogador ao relembrar a final do Euro 2016.

"[...] Tenho de dizer que discordo porque aqui há uns anos vi várias imagens de Ronaldo muito bem vestido, de fato e gravata e com um belíssimo adereço em metal, em forma de taça, não me lembro do nome dele mas era qualquer coisa como Taça do Campeonato da Europa de 2016".