Desporto

Miguel Cardoso castigado com oito dias de suspensão por gestos obscenos

O treinador do Rio Ave gesticulou de forma obscena em direção ao banco de suplentes do Boavista como reação ao terceiro golo do Rio Ave, que valeu o empate à equipa.

Miguel Cardoso foi um dos visados pelo mapa de castigos publicado pelo Conselho de Disciplina da FPF nesta terça-feira, tendo o órgão castigado o técnico do Rio Ave com uma suspensão de oito dias pelos gestos obscenos que fez durante a partida entre o clube de Vila do Conde e o Boavista, na 26.ª jornada da Primeira Liga.

No momento em que o Rio Ave alcançou o empate no marcador, na parte final do jogo, Miguel Cardoso apontou os dedos do meio das duas mãos ao banco do Boavista, o que lhe valeu, para além da suspensão de oito dias, uma multa em 2805 euros.