Sociedade

Portugal já não vai receber primeiras doses da vacina da Johnson & Johnson esta semana

As primeiras doses da vacina da Janssen chegariam a Portugal esta semana, mais concretamente na próxima quinta-feira. Num esclarecimento enviado ao i, o Infarmed confirmou que o país não vai receber para já o fármaco.

O Infarmed confirmou, num esclarecimento enviado ao i, que Portugal já não vai receber as primeiras doses da vacina contra a covid-19 da Janssen esta semana.

As primeiras doses do fármaco chegariam ao país esta semana, mais concretamente na próxima quinta-feira, tendo o país já sido notificado do adiamento. Portugal, através do Infarmed e da Agência Europeia de Medicamentos, encontra-se a acompanhar o desenvolvimento destes acontecimentos, pelo que a informação será atualizada assim que se justifique.

De realçar que o laboratório Janssen, do grupo Johnson & Johnson, decidiu adiar proativamente o lançamento na Europa da sua vacina contra o novo coronavírus, tendo já notificado as autoridades europeias. Esta iniciativa surge no sentido de avaliar situações ocorridas nos Estados Unidos, e de dar uma maior confiança aos cidadãos europeus, no seguimento de uma suspensão momentânea da administração do fármaco por parte da Food and Drug Administration (FDA), regulador de medicamentos norte-americano, e do Center for Disease Control and Prevention (CDC). A suspensão, por precaução, ocorre enquanto se investiga casos de coágulos sanguíneos associados a baixas de plaquetas, o mesmo tipo de incidentes tromboembólicos que levaram à revisão de segurança da vacina da AstraZeneca.

Num comunicado conjunto, a FDA e o CDC especificam que estão em investigação seis casos. Destes seis casos notificados, todos dizem respeito a mulheres entre os 18 e os 48 anos de idade, com os sintomas a iniciarem-se entre o sexto dia e o décimo terceiro dia após a toma.

 Nos EUA, já foram administradas cerca de 6,8 milhões de doses desta vacina.