Internacional

Deputado não se apercebe que câmara está ligada e aparece nu em sessão online do Parlamento

O deputado William Amos já reconheceu que cometeu "um erro muito infeliz" e que está "envergonhado por isso".


Um deputado canadiano apareceu acidentalmente nu durante uma sessão virtual da Câmara dos Comuns e a notícia está a correr o mundo.

William Amos, que representa o Partido Liberal, já reagiu ao incidente, explicando que não se tinha apercebido que a câmara do computador estava ligada, enquanto trocava de roupa no escritório.

O deputado reconheceu que se tratou de "um erro muito infeliz" e que está "envergonhado", aproveitou também para pedir desculpas pelo sucedido.

"A minha câmara foi acidentalmente deixada ligada enquanto trocava para a roupa de trabalho, depois de ter ido fazer uma corrida. Peço desculpa sinceramente a todos os meus colegas nesta Câmara. Foi um erro e não vai voltar a acontecer", escreveu no Twitter, numa publicação também partilhada em francês.

A deputada da oposição Claude DeBellefeuille também reagiu ao lapso de William Amos e defendeu a importância do dress code do Parlamento.

"Hoje atingimos um novo recorde”, começou por dizer. Vimos um membro, durante o período de perguntas, mal vestido, isto é, sem roupa. Vimos que o membro estava em muito boa forma, mas acho que este deve ser lembrado do que é apropriado", acrescentou.

O presidente da Câmara dos Comuns agradeceu à deputada pelas suas "observações" aproveitou para recordar aos membros do Parlamento que devem estar vigilantes quando estiverem perto de uma câmara ou microfone.