Sociedade

Saiba como funciona o auto-agendamento da vacinação contra a covid-19

Portal entrou em funcionamento esta sexta-feira e já se registaram mais de 50 mil pedidos de agendamento.

O coordenador da Task Force do plano de vacinação da covid-19, o vice-almirante Gouveia e Melo, participou esta sexta-feira numa sessão de esclarecimento sobre o portal do Auto-Agendamento para Vacinação, que já se encontra em funcionamento.

Os utentes com 65 anos ou mais anos que queiram ser vacinados contra a covid-19 podem solicitar o agendamento da vacina através do portal do Ministério da Saúde.

O agendamento só será validado se quem se inscrever pertence à faixa etária indicada. Nesse caso, a pessoa vai poder escolher o local onde pretende ser vacinado, assim como a data.

Em caso de não haver disponibilidade, os cidadãos poderão escolher outro local ou aguardar em lista de espera no espaço escolhido.

Quem se inscrever receberá um comprovativo da data, hora e local para a vacinação. Na véspera do dia da vacinação, os cidadãos receberão uma mensagem via telemóvel a relembrar o agendamento.

Sublinhe-se que nas primeiras horas, até às 17 horas de sexta-feira, foram contabilizados mais de 50 mil pedidos de agendamento, revelou o presidente dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS), Luís Goes Pinheiro.

"Mais de 50 mil pedidos de agendamento foram feitos até às 17h00, o que para primeiro dia de um projeto é muito impressionante e demonstra bem a necessidade que as pessoas tinham de poder solicitar o seu agendamento 'online'", disse o presidente dos SPMS, que também esteve presente na sessão de esclarecimento, em Benfica (Lisboa).