Sociedade

Costa alerta: "Se relaxarmos podemos voltar a estar outra vez pior"

Chefe do Governo apelou aos aportugueses que mantenham todos os cuidados: “Etiqueta respiratória, higienização das mãos e evitar contactos desnecessários”.

O primeiro-ministro, António Costa, pediu esta segunda-feira à população para continuar a ter os cuidados necessários para que Portugal não volte a estar na lista dos piores países do mundo em relação à pandemia.

No dia em que o país não registou qualquer óbito por covid-19, após mais de oito meses, o governante afirma que “este é um combate que tem de ser continuado” e “uma luta contra o tempo porque temos de conseguir vacinar mais depressa que o vírus possa mudar”.

"Se relaxarmos podemos voltar a estar outra vez pior", sublinhou em declarações aos jornalistas em Valença. Por isso “tudo tem que continuar a ser feito”: “etiqueta respiratória, higienização das mãos e evitar contactos desnecessários”.

Costa revelou ainda ter esperança de que os especialistas confirmem, amanhã, durante a reunião do Infarmed, que Portugal está "no bom caminho para o passo que queremos dar, para a última fase do desconfinamento a conta-gotas".

Sobre a vacinação, segundo o primeiro-ministro, o objetivo é ter, até ao final deste mês, todos os maiores de 70 anos vacinados e, até ao final de maio, todos os maiores de 60.