Sociedade

Pena suspensa para homem que abusou sexualmente da filha da companheira em Leiria

Condenado por crime de abuso sexual de crianças agravado a pena suspensa.

Um homem de 57 anos foi condenado, pelo Tribunal Judicial de Leiria, a 18 meses de prisão, com pena suspensa, pelo crime de abuso sexual cometido contra a filha da sua companheira, uma menina de 13 anos, segundo informação da Procuradoria da República da Comarca de Leiria, divulgada esta segunda-feira.

“O Juízo Central Criminal de Leiria condenou um arguido, do sexo masculino, de 57 anos, pela prática de um crime de abuso sexual de crianças agravado, na pena de dezoito meses de prisão, suspensa na sua execução por igual período de tempo, com regime de prova”, lê-se na nota da procuradoria.

"No essencial, resultou provado que o arguido, no dia 1 de janeiro de 2019, no interior da residência onde coabitava com a vítima, de 13 anos, filha da sua companheira, em Leiria, molestou sexualmente a menor, praticando vários atos de cariz sexual", refere o mesmo documento, que não explica por que razão a pena é suspensa.