Internacional

Variante indiana do SARS-CoV-2 já foi detetada em 17 países, incluindo Portugal

Entre estes 17, há vários países europeus. 

A variante indiana do SARS-CoV-2 já foi detetada em pelo menos 17 países, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

De acordo com um relatório semanal sobre a pandemia da OMS, a estirpe B.1.617 foi detetada em mais de 1.200 sequências de genoma em "pelo menos 17 países". A maior parte destas amostras "vem da Índia, Reino Unido, Estados Unidos e Singapura". Nos últimos dias, a variante também foi detetada na Bélgica, Suíça, Grécia e Itália.

Recorde-se que ontem, na reunião do Infarmed, o investigador João Paulo Gomes, do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, revelou que em Portugal foram registados seis casos desta variante, todos em Lisboa e Vale do Tejo.

De realçar que a variante é constituída por duas mutações do vírus SARS-CoV-2 e levanta algumas preocupações, nomeadamente porque parece ser mais contagiosa, o que poderá explicar o crescimento explosivo de novos casos na Índia.