Sociedade

Liga Feminista do Porto denuncia caso de mulher violada por grupo em pleno centro da cidade

Vítima estava a abrir a porta do prédio quando foi atacada com um golpe na cabeça. Uma vez inconsciente foi assaltada e violada pelos agressores.

“Na passada segunda-feira, por volta das 20h30, uma mulher foi atacada à porta da sua casa na zona da Trindade/Câmara Municipal do Porto. Os agressores atacaram a vítima com um golpe na cabeça enquanto esta abria a porta do seu prédio, de auscultadores”, começa por denunciar a Liga Feminista do Porto no seu Instagram.

Segundo a publicação, “uma vez inconsciente, a vítima foi assaltada e violada. Até ao momento nenhum dos homens foi detido ou identificado”.

A Liga Femininista do Porto faz ainda saber que a vítima tem toda a sua solidariedade e apela a que “todas as companheiras tenham o máximo de cuidado e atenção”.

A publicação gerou vários comentários, com testemunhos de outras situações de perigo para as mulheres, registadas na zona.

Assim, a associação deixa um conselho: “Não andem sozinhas e tenham convosco um desodorizante em spray que pode funcionar como uma alternativa ao gás pimenta”.

Entretanto, o Nascer do Sol tentou confirmar a existência de queixa junto da esquadra da PSP, mas até ao momento ainda não foi possível.