Desporto

Invasão a Old Trafford "não foi algo minimamente parecido" à invasão à academia do Sporting, diz Bruno Fernandes

Na antevisão da segunda mão das meias-finais da Liga Europa, o internacional português também disse o que estava a fazer no momento em que os adeptos invadiram o estádio. 


Bruno Fernandes fez, esta quarta-feira, a antevisão da segunda mão das meias-finais da Liga Europa, onde explicou haver uma diferença entre a invasão dos adeptos a Old Trafford, no passado domingo, e a invasão à academia do Sporting, em maio de 2018.

"Não foi algo minimamente parecido ao que me aconteceu quando estava no Sporting Clube de Portugal. Não é Sporting de Lisboa... por favor. Isso foi uma situação entre os adeptos e os jogadores. Aqui, não temos qualquer problema com os adeptos. Eles podem aproximar-se de nós que não nos vai acontecer nada, no Sporting os problemas estavam diretamente relacionados connosco. Honestamente, não quero traçar comparações, porque não me quero lembrar do que aconteceu no Sporting. É um clube do qual guardo apenas boas memórias, e o que aconteceu no domingo já passou", disse o médio do Manchester United, que acabou por contar o que estava a fazer naquele momento.

"Estava no meu quarto a ver futebol, porque a Udinese [clube que representou em Itália] estava a jogar contra a Juventus. Nunca tentei ir lá fora, respeitei o que a segurança nos disse para fazer", justificou o internacional português.