Desporto

Portugal enfrenta Hungria no Euro2022 de andebol

A seleção ficou colocada no grupo B, junto da Hungria, Islândia e Holanda.


Portugal ficou, na quinta-feira, a saber quem serão os seus adversários no Campeonato Europeu de andebol de 2022, que terá como países anfitriões a Hungria e a Eslováquia.

O grupo B, onde se insere a seleção das quinas, inclui, para além de Portugal, a Hungria, seleção treinada por Chema Rodriguez, treinador do Benfica, bem como a Islândia e a Holanda, na fase de grupos do Euro 2022, onde Portugal deverá garantir um dos dois primeiros lugares do grupo para seguir para as fases finais do campeonato, que se realizará entre 13 e 30 de janeiro de 2022.

Em Budapeste, onde Portugal irá realizar todos os jogos da fase de grupos, a seleção nacional vai cumprir a sua sétima participação neste torneio, que celebrará, em 2022, a sua 15.ª edição. É ainda importante realçar que a seleção nacional de andebol tem brilhado nos últimos anos, conquistando o apuramento inédito para os Jogos Olímpicos de Tóquio2020, e alcançando, em fevereiro deste ano, a melhor posição de sempre num Campeonato Mundial da modalidade, no Egito, onde findou no 10.º lugar. No Campeonato Europeu, em 2020, Portugal atingiu também a melhor classificação de sempre, garantindo o sexto lugar, e apontando, nesta edição de 2022, para repetir ou melhorar a façanha.

Afinal de contas, o sorteio foi relativamente favorável a Portugal, uma vez que os últimos resultados contra a Hungria, principal adversário da seleção das quinas no grupo B, foram favoráveis aos portugueses, remontando ao confronto no Europeu de 2020, onde Portugal saiu vitorioso. Também contra a Islândia, no Mundial de 2021, e na fase de qualificação para o Euro2022, Portugal acabou sempre por ser superior, ao passo que a Holanda figura como o elo mais fraco neste grupo, não tendo grande tradição nesta modalidade.

Portugal integrou o pote 1 durante o sorteio para o Campeonato Europeu de andebol, graças à sua prestação durante a qualificação para o torneio. Foi a vitória por 30-25, frente à Lituânia, que levou a seleção das quinas a assegurar o primeiro lugar no seu grupo da fase de qualificação, após ter vencido também os emblemas nacionais de Israel e da Islândia.

É ainda importante destacar o resto do sorteio, que colocou frente a frente, no grupo C, Croácia, Sérvia, França e Ucrânia, várias das potências europeias desta modalidade.