Sociedade

Guardia Civil e PJ detiveram "suspeito de liderar uma organização criminosa transnacional"

O inquérito já conta com outros arguidos sujeitos a prisão preventiva. 


Um homem, de 54 anos, “suspeito de liderar uma organização criminosa transnacional, que se dedicava ao tráfico internacional de produtos estupefacientes, por via marítima”, foi detido pela Guardia Civil, em território espanhol.

Em comunicado, esta quinta-feira divulgado, a Polícia Judiciária (PJ) explica que “no âmbito de uma complexa investigação, com mais de um ano, foi possível reunir sólidos elementos probatórios”, o que permitiu a emissão de mandados de detenção europeus em nome do suspeito.

“A constante troca de informação e a estreita colaboração com a Guardia Civil de Espanha, permitiu a localização do arguido e o cumprimento do mandado, em território Espanhol, no passado dia 8 de março de 2021”, lê-se.

O suspeito foi entregue na quarta-feira à PJ, pelas autoridades espanholas, tendo sido submetido a interrogatório judicial, no qual lhe aplicada a medida de coação da prisão preventiva.

O inquérito já conta com outros arguidos sujeitos a prisão preventiva.