Politica

Autárquicas. Pedro Santana Lopes anuncia candidatura à Figueira da Foz

Santana Lopes presidiu à câmara da Figueira há 24 anos, e repete agora a corrida à autarquia.


Pedro Santana Lopes oficializou, neste domingo, a sua candidatura à Câmara Municipal da Figueira da Foz, no mesmo dia em que se cumprem 24 anos do anúncio da candidatura que o levou à presidência da autarquia pela primeira vez, em 1997.

Nesse ano, o anúncio surgia associado ao PSD. Já em 2021, através do Facebook, Santana Lopes anunciou a sua candidatura pelo movimento Figueira a Primeira. "No mesmo dia, à mesma hora, uns anos depois. Cá estou”, pode-se ler na mensagem.

May be an image of one or more people and text that says 'IGUEIRA F O z UMA LIGAÇÃO PARA A VIDA PSL AUTÁRQUICAS 2021'

"Figueira da Foz – Uma Ligação para a Vida – Autárquicas 2021" é o mote do movimento, que utiliza também as letras PSL para se identificar, em alusão às iniciais do nome do candidato, que foi também primeiro-ministro do país, bem como presidente do PSD.

A página reúne, no momento de publicação desta notícia, 3050 seguidores, e serve para apresentar os diferentes membros das listas do movimento à autarquia da Figueira da Foz.

Há semanas, no entanto, que Pedro Santana Lopes fez vários posts na rede social, na sua conta pessoal, assinando com as letras "PSL", e dando "pistas" para a candidatura que foi, neste domingo, anunciada.

A candidatura surge após meses de rumores e negociações, tendo-se falado no nome de Pedro Santana Lopes para a candidatura social-democrata a Lisboa.

Neste momento, o PS vai correr com Carlos Monteiro, atual dirigente da autarquia, que se recandidata. Já o PSD vai avançar com a candidatura de Pedro Machado, e o CDS-PP volta a apresentar Miguel Mattos Chaves.