Vida

J Balvin revela que "quase morreu" com covid-19

“Eu já tive covid. Quase me matou”, disse. “Não queremos que as pessoas sintam o que eu senti”


J Balvin voltou a falar sobre o facto de ter estado infetado com covid-19, em agosto de 2020. Durante o concerto virtual "Vax Live: The Concert to Reunite the World", cujo objetivo era incentivar as pessoas a receberem a vacina contra a covid-19, o cantor, de 36 anos, afirmou que o vírus “quase o matou”.

“Eu já tive covid. Quase me matou”, disse. “Não queremos que as pessoas sintam o que eu senti”.

“Quero que as pessoas saibam mesmo que têm mesmo de se vacinar por elas, pelos outros, e pelo mundo”, continuou.

O cantor colombiano já tinha dado detalhes sobre a sua recuperação, alertando que o “vírus é real e muito perigoso”.

“Têm sido dias difíceis, muito complicados. Às vezes pensamos que não o vamos ‘apanhar’, mas eu ‘apanhei’ e ‘apanhei-o’ grave”, contou em agosto.