Vida

Gwyneth Paltrow bebia whiskey "todas as noites" durante o confinamento

O whiskey que a atriz “devorou” não era um whiskey tradicional. 


Gwyneth Paltrow, conhecida pelo seu estilo de vida saudável, fez revelações inéditas sobre a sua rotina durante o confinamento imposto para travar a pandemia de covid-19. A atriz contou ao jornal britânico The Mirror que bebia whiskey “sete noites por semana” para a ajudar a superar a quarentena.

“Bebia sete noites por semana, fazia massa e comia pão. Saí completamente dos trilhos”, afirmou. “Quer dizer, quem é que bebe várias bebidas sete noites por semanas? Tipo, isso não é saudável. Eu adoro whiskey e faço uma bebida fantástica chamada Buster Paltrow, que batizei um homenagem ao meu avô, que adorava whiskey”.

No entanto, o whiskey que a atriz “devorou” não era um whiskey tradicional. Era uma bebida de quinoa com xarope e sumo de limão.

“Era este whiskey de quinoa ótimo de uma destilaria do Tennesse, com xarope e sumo de limão. É o paraíso. Eu bebia dois copos todas as noites de quarentena”. Apesar de não ficar “bêbeda desmaiada”, a atriz, de 48 anos, contou que ansiava por cigarros quando bebia.

Em março, Gwyneth Paltrow revelou que tinha engordado seis quilos durante a pandemia e que “estava completamente fora de controlo”. “Engordei seis quilos e o meu estômago estava uma confusão. Mas eu não queria fazer nada sobre isso, honestamente. Senti que o meu vinho, as minhas massas e os meus biscoitos me estavam a ajudar”, contou, na altura, ao E! News.