Sociedade

Incidência da covid-19 desce e R(t) aumenta

Internamentos parecem ter voltado à tendência de queda.

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 485 novos casos de covid-19, elevando para 840.493 o total de contágios confirmados desde março de 2020.

Os dados da DGS, divulgados esta quarta-feira, revelam também que mais quatro pessoas morreram devido à covid-19, assim o país soma agora 16.998 óbitos associados à doença em Portugal.

O Norte foi a região que notificou um maior número de novos casos, 169, segue-se Lisboa e Vale do Tejo com mais 167 contágios, o Algarve confirmou mais 46 diagnósticos positivos de covid-19, o Centro mais 41 e o Alentejo mais 24.

Já a região Autónoma da Madeira registou mais 19 infetados e os Açores mais 19 também.

Em relação à distribuição geográfica dos óbitos de infetados, ocorreram duas mortes no Algarve, uma em Lisboa e outra no Norte.

Atualmente, estão internadas 248 pessoas com covid-19, menos nove do que ontem, nos cuidados intensivos encontram-se agora 71 infetados.

Esta quarta-feira, as autoridades de saúde voltaram a atualizar os indicadores da incidência e o risco de transmissibilidade.

Assim a incidência de novos casos a 14 dias por cem mil habitantes a nível nacional desceu para 51,0, quando na segunda-feira era de 53,8. Considerando apenas o território continental, o valor também registou uma queda, tendo diminuído de 51,4 para 48,7.

Quanto ao risco de transmissibilidade (Rt), a nível nacional aumentou para 0,93, na segunda-feira era de 0,92, e no continente subiu para 0,91, uma décima acima dos dados anteriores.

O novo balanço das autoridades de saúde destaca ainda o facto de mais 315 pessoas terem deixado de ter a doença ativa, aumentando para 801.621 o total de recuperados.

Neste momento, existem 21.874 casos ativos da doença e as autoridades de saúde têm sob vigilância 19.618 contactos.

Consulte o boletim na íntegra.