Vida

Príncipe Harry sobre o pai: "Ele tratou-me como foi tratado"

O príncipe diz querer quebrar o ciclo de “dor e sofrimento hereditário”.

O príncipe Harry revelou, na quinta-feira, que decidiu mudar-se para a Califórnia, nos Estados Unidos da América, para quebrar o ciclo de “dor e sofrimento hereditário” após perceber que o pai, o príncipe Carlos, o tratava “como foi tratado”.

Em entrevista ao podcast ‘Armchair Expert’, de Dax Shephard, - o mesmo onde confessou que desde os 20 anos “fantasiava” com uma vida normal fora da família real – Harry afirmou que, apesar de não culpar o pai, não queria cometer os mesmos erros.

“Quando se trata da educação dos filhos, se eu experimentei qualquer tipo de dor ou sofrimento devido à dor e sofrimento que talvez o meu pai ou os meus pais tenham sofrido, vou certificar-me de quebrar esse ciclo”, afirmou.

"Há muita dor e sofrimento hereditários que são transmitidos de qualquer maneira. E, como pais, devemos fazer o nosso melhor para tentar dizer: 'Queres saber? Isto aconteceu comigo, vou garantir que não acontece contigo'", acrescentou.

O príncipe confessou ainda que percebeu que o pai, príncipe de Gales e o primeiro na linha de sucessão ao trono britânico, não teve uma infância fácil por ser educado como membro da família real.

"Isto significa que ele me tratou como eles o trataram. 'Como posso mudar isso para os meus próprios filhos?' Bem, aqui estou eu", disse. "Mudei-me com toda a minha família para os Estados Unidos", completou.