Vida

Mel B, das Spice Girls, fala abertamente sobre a sua experiência com violência doméstica

“Metes a tua armadura e apareces ao mundo, mas dentro de portas fechadas é muito, muito diferente. É embaraçoso, vergonhoso, carregas tanta vergonha por teres de mentir e manter segredo”, disse.


Melanie B, a “Scary Spice” da girls band britânica Spice Girls, falou abertamente, esta segunda-feira, sobre a sua “experiência traumática” com violência doméstica.

Em entrevista ao Good Morning Britain devido ao lançamento de um vídeo sobre violência doméstica – em parceria com a organização Women’s Aid – Mel B admitiu que ser agredida “destrói a alma” e “isso é algo que demorará a ter de volta”. Em causa está o relacionamento de 10 anos com o empresário Stephen Belafonte, acusado várias vezes de “abuso físico e psicológico”. Anteriormente, a cantora já havia revelado que queria o divórcio mais cedo, mas viu-se numa situação “impossível”.

“Como mulher que sofreu disto [violência doméstica], é algo que destrói a tua alma, isto realmente acaba contigo. Vou demorar para sempre a ter isso de volta”, começou por dizer.

Sobre o vídeo musical intitulado Love Should Not Hurt [O amor não deve magoar], Mel B acrescentou: “É por isto que o vídeo é tão importante, não é só a minha história, são peças e bocadinhos da minha história, mas é a história de todas as mulheres, é a voz de toda a gente”.

“Metes a tua armadura e apareces ao mundo, mas dentro de portas fechadas é muito, muito diferente. É embaraçoso, vergonhoso, carregas tanta vergonha por teres de mentir e manter segredo”, continuou.

“Pessoas nesta situação não sentem que haja uma saída. Estão isoladas dos amigos, da família e estes são dos principais sinais de que alguém está numa relação deste género [violenta]”, acrescentou.