Internacional

Queda de teleférico em Itália mata nove pessoas e deixa duas crianças gravemente feridas

Estavam 11 pessoas no interior da cabine.

DR  


Uma cabine de teleférico na estação balnear do Piemonte nas margens do lago Maior, no norte de Itália, caiu, este domingo, provocando a morte de pelo menos oito pessoas, e deixou feridas, com gravidade, outras duas, que serão crianças.

"O balanço provisório é de oito mortos e dois feridos que foram transportados de urgência para o hospital pediátrico Regina Margherita de Turim", afirmou um porta-voz dos serviços de emergência, em declarações à France Presse. Pouco depois, a imprensa referia uma nona vítima mortal.

Segundo a agência noticiosa italiana Ansa, um cabo partido está na origem do acidente, que ocorreu na parte mais alta do percurso.

No interior da cabina seguiriam 11 pessoas, nove adultos e duas crianças, que terão sobrevivido à queda, mas que foram transportadas em estado crítico para o hospital de Turim, segundo a imprensa internacional.

O teleférico liga em 20 minutos a localidade de Stesa ao monte Mottarone, que culmina a quase 1.500 metros e oferece vistas espetaculares dos Alpes.