Sociedade

Governo esclarece que aceleração da vacinação é a nível nacional e não só em Lisboa

Alargamento às faixas etárias dos 30 e 40 anos será a nível nacional. 


O Governo esclareceu que a vacinação contra a covid-19 vai acelerar a nível nacional e não apenas em Lisboa.

O anúncio do executivo socialista surgiu horas depois de, esta terça-feira, o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, referir que a vacinação contra a covid-19 ia ser acelerada em Lisboa e Vale do Tejo, nas faixas dos 40 e 30 anos, face ao aumento das infeções na região.

Agora, numa mensagem publicada no Twitter, o Governo sublinhou que devido ao “bom ritmo do Plano de Vacinação Anti-COVID19 e da disponibilidade de vacinas, foi decidida a aceleração da vacinação a nível nacional”, alargando-a a maiores de 40 e 30 anos a partir de 6 e 20 de junho, respetivamente.

Ontem, também depois do anúncio de Lacerda Sales, o coordenador da 'task force' para a vacinação, vice-almirante Henrique Gouveia e Melo, disse ao Público que o alargamento às faixas etárias dos 30 e 40 anos será a nível nacional, lembrando que a vacinação em Lisboa será reforçada, mas por estar atrasada relativamente a outras regiões.

"O nosso plano é nacional e estamos a recuperar as regiões [percentualmente] mais atrasadas e isto também vai incluir o Norte. A ideia é ter sempre as regiões equilibradas porque é o mais justo. Quando se fala em acelerar, é dar mais vacinas, mas mantendo a mesma programação etária", explicou.