Sociedade

Câmara de Ovar alvo de buscas

Em causa está uma investigação relacionada com processos de obras particulares e contratos programa. 

Câmara de Ovar alvo de buscas

A Câmara de Ovar foi alvo de buscas, no âmbito de uma investigação relacionada com processos de obras particulares e contratos programa.

A informação foi confirmada pela autarquia e pelo seu presidente, Salvador Malheiro. “A Câmara Municipal de Ovar informa que o edifício dos Paços de Concelho foi visitado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal Regional do Porto”, lê-se numa nota publicada na página de Facebook da Câmara de Ovar. As buscas ocorreram na sequência de várias denúncias anónimas que surgiram entre 2016 e 2018.

Segundo a mesma nota, as denúncias estão relacionadas com “uma série de acusações que foram surgindo nas redes sociais e que foram objeto de apreciação e discussão nas reuniões da Câmara Municipal e da Assembleia Municipal de Ovar, já devida e amplamente esclarecidas pelos Técnicos e Chefias dos Serviços Municipais, quer aos senhores vereadores da oposição, quer aos membros da Assembleia Municipal, quer à população em geral e ao povo vareiro”.

“Assim, aquilo que o Departamento de Investigação quis esclarecer relaciona-se com as obras de beneficiação que foram levadas a cabo nos recintos desportivos do concelho e com três processos de obras particulares -- todas elas do conhecimento público e já conhecidas, fiscalizadas e positivamente avaliadas por técnicos da CCDR/C (Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro)”, acrescenta.

A autarquia refere que, apesar “do tempo decorrido”, espera que tudo seja esclarecido com celeridade, para que, “definitivamente”, todas as denúncias sejam removidas do espaço público, e mostra-se disponível para prestar os esclarecimentos que forem considerados necessários.

Já na sua página pessoal de Facebook, o presidente da Câmara de Ovar, Salvador Malheiro, informou que os inspetores não apreenderam nenhuma documentação e ninguém foi constituído arguido.

Os comentários estão desactivados.