Sociedade

BE questiona Governo sobre cães encontrados mortos em Loures

O partido afirma que “os bloquistas querem saber que medidas tem o Governo de António Costa tomado para fiscalizar este tipo de situações e que medidas pretende tomar para que estes casos horrendos não se repitam”


O Bloco de Esquerda (BE) pediu esclarecimentos ao Ministério do Ambiente sobre os cadáveres de nove cães encontrados mortos na quinta-feira dentro de arcas congeladoras e armários numa casa em Bucelas, no concelho de Loures, “alegadamente mortos à fome e à sede após terem sido abandonados pelo dono”.

Em comunicado de imprensa, o partido afirma que “os bloquistas querem saber que medidas tem o Governo de António Costa tomado para fiscalizar este tipo de situações e que medidas pretende tomar para que estes casos horrendos não se repitam” e ainda “saber se o Executivo considera existirem meios e recursos suficientes para fazer face a este tipo de situações”.

O BE informa também que remeteu “um requerimento à Assembleia Municipal a questionar a Câmara Municipal de Loures sobre o sucedido”.

Recorde-se que o  IRA – Intervenção e Resgate Animal denunciou, na quinta-feira, um novo caso de maus-tratos a animais, após terem encontrado nove cadáveres de cães de várias raças dentro de arcas congeladores e armários de uma casa.

O autor dos crimes foi identificado pela Guarda Nacional Republicana (GNR) mas encontrava-se em parte incerta desde então. Segundo confirmou fonte do Comando da GNR ao Notícias ao Minuto, o suspeito entregou-se este sábado no posto territorial de Bucelas e “foi constituído arguido por crimes contra a animais de companhia”.