Sociedade

Quatro dos 20 detidos em operação contra o tráfico de droga ficam em prisão preventiva

A PSP levou a cabo uma grande operação contra o tráfico de droga, na passada terça-feira, nos concelhos de Oeiras, Sintra, Amadora, Caldas da Rainha e Marinha Grande, que envolveu entre 300 e 400 agentes, e da qual resultaram 20 detenções.


Quatro dos 20 detidos pela Polícia de Segurança Pública (PSP) no âmbito da Operação Alcateia, realizada em vários concelhos dos distritos de Lisboa e Leiria, na passada terça-feira, ficaram em prisão preventiva.

Dos restantes 16, 10 ficaram sujeitos a apresentações semanais, cinco com termo de identidade e residência e a um deles não foi aplicada qualquer medida de coação, revelou fonte da PSP à agência Lusa.

Recorde-se que a PSP levou a cabo uma grande operação contra o tráfico de droga nos concelhos de Oeiras, Sintra, Amadora, Caldas da Rainha e Marinha Grande, que envolveu entre 300 e 400 agentes, e da qual resultaram 20 detenções: 18 por ligações ao tráfico de droga, uma por posse de arma proibida e outra por condução sem carta. Os detidos têm idades entre os 17 e os 63 anos.

No total, foram realizadas 38 buscas domiciliárias e cumpridos 16 mandados de detenção.