Vida

Harry ligou à Rainha a pedir permissão para chamar a filha de Lilibet

Rainha não foi apanhada de surpresa. 


O príncipe Harry ligou para a avó, a Rainha Isabel II, a pedir permissão para dar o nome de Lilibet à filha, avança o Page Six.

Recorde-se que os duques de Sussex anunciaram este domingo o nascimento da menina, Lilibet Diana Mountbatten-Windsor, e revelaram que o nome é uma homenagem à mãe e à avó do príncipe. “Lili recebeu o nome da sua bisavó, Sua Majestade, a Rainha, que é tratada carinhosamente como Lilibet” e  “Diana foi escolhido em homenagem à sua querida avó, a princesa de Gales”, informaram em comunicado.

Segundo o Page Six, Harry continua próximo da avó, apesar de nos últimos tempos ter ‘bombardeado’ a família real com acusações de falta de apoio e até de racismo. Fontes da realeza confirmaram ao site que o príncipe ligou para a Rainha antes de Meghan Markle dar à luz no Santa Barbara Cottage Hospital, na Califórnia, no passado dia 4 de junho.

Outra fonte disse que a chamada terá sido mais para informar do que para pedir permissão a Isabel II. "Provavelmente foi uma chamada a dizer que ela chegou e que planeavam chamá-la com o seu nome - não é algo que se possa dizer não. Duvido que tenham perguntado - mais provavelmente informaram”, disse.

A notícia agora avançada vai contra as últimas declarações de alguns especialistas da realeza britânica, que consideraram que a Rainha estaria infeliz com a escolha. Angelia Levin disse, esta segunda-feira, no programa Good Morning Britain, que a Rainha não estaria feliz com a escolha do nome “depois do que aconteceu”. “Acho que ela está desesperadamente infeliz porque eles foram extremamente rudes com ela. Não acho que seja uma boa ideia. Acho que é muito rude com Sua Majestade, a Rainha”, disse a especialista.

Lilibet é o segundo filho de Meghan e Harry, após o nascimento de Archie, que completou dois anos no mês passado.