Politica

Rio diz que solução de Costa para o Porto mostra que "o PS e Rui Moreira estão feitos", mas não assumem

Líder do PSD fala em candidatura "acessória". 


Rui Rio disse, esta quarta-feira, que o nome anunciado pelo PS para a Câmara do Porto é uma candidatura "acessória" e que "o PS e Rui Moreira estão feitos, mas não têm a hombridade de o assumir frontalmente".

"A solução de António Costa para o Porto revela o que eu tenho dito: o PS e Rui Moreira estão feitos, mas não têm a hombridade de o assumir frontalmente. A candidatura principal já pouco tem de independente e a acessória apenas aspira a tentar evitar que o PSD ganhe as eleições", escreveu o líder do PSD, numa publicação partilhada no Twitter.

É de realçar que, esta terça-feira, fonte da distrital do PS/Porto confirmou à agência Lusa que o atual secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, foi convidado para encabeçar a candidatura socialista à autarquia do Porto.

Em maio, quando o PS ainda não tinha relevado o candidato ao Porto, o presidente do PSD já tinha dito que havia "obviamente um entrosamento entre o PS e Rui Moreira".

"O dr. António Costa aposta claramente no dr. Rui Moreira, independentemente da acusação penal ou não, e o PS prepara-se - no caso de o dr. Rui Moreira se recandidatar - para ir a eleições fazendo figura de corpo presente. Na prática, o que dr. António Costa quer é evitar que o PSD ganhe a Câmara do Porto, se é o dr. Rui Moreira ou o PS é absolutamente indiferente", afirmou, na altura.