Internacional

Bombeiro encontra corpo da filha após ser chamado para um acidente

Adrian Smith, de 47 anos, estava de serviço, no passado domingo, quando foi chamado para prestar auxílio num acidente de viação que envolveu três viaturas, no País de Gales.


Um bombeiro do País de Gales, no Reino Unido, chamado para um acidente de viação descobriu no local que a vítima mortal era a sua filha, de 21 anos.

Adrian Smith, de 47 anos, estava de serviço, no passado domingo, quando foi chamado para prestar auxílio num acidente de viação que envolveu três viaturas. No local, o homem reconheceu imediatamente o carro da filha Ella, que tinha ido passar o dia na praia com o namorado, de 22 anos, também ferido no acidente.

As autoridades acreditam que o carro capotou numa curva, tendo sido atingido de seguida por outro veículo na zona do banco do passageiro, onde estava a jovem. Ella morreu no local e o pai assistiu ao momento em que foi retirada do veículo.

Do acidente resultaram ainda três feridos graves, incluindo o namorado da jovem.

Adrian, a mulher e os outros dois filhos receberam psicológico. “Estamos completamente devastados pela perda da nossa querida Ella. Ela era uma filha, irmã e neta muito amável e carinhosa. Era uma menina linda que fará falta a todos nós. Queríamos agradecer a todos o apoio neste período horrível”, afirmou a família, em comunicado.