Sociedade

Efemérides de 16 de junho

O Castelo de S. Jorge passou há 111 anos, já com a República, a ser classificado como monumento nacional


1373 Os Reis Fernando de Portugal e Eduardo III de Inglaterra assinaram há 648 anos o Acordo de Westminster, que deu origem à mais antiga aliança militar do mundo ainda em relativo vigor.

1779 Espanha declarou guerra à Grã-Bretanha, há 242 anos, iniciando a luta por Gibraltar, que fora cedida por Madrid a Londres em 1713 (estava ocupada pelos ingleses desde 1704), pelo Tratado de Utrecht, como pagamento pelas despesas britânicas na Guerra da Sucessão de Espanha.

1910 O Castelo de S. Jorge passou há 111 anos, já com a República, a ser classificado como monumento nacional.

1933 Depois de a Grande Depressão se ter aprofundado sem parar desde 1929, o então Presidente dos EUA, Frank D. Roosevelt (1882-1945, em funções desde 33 até à morte), lançou há 88 anos o New Deal, com as políticas keynesianas que levaram a uma maior recuperação económica.

1950 O polémico Papa Pio XII concedeu há 71 anos a aprovação definitiva do Opus Dei, fundado em 1928 por Josemaria Escrivá, sendo permitida a admissão de pessoas casadas e a integração de sacerdotes do clero secular, na Sociedade Sacerdotal da Santa Cruz.

1961 O bailarino russo Rudolf Nureyev (1938-93) desertou há 60 anos para o Ocidente, durante uma digressão a Paris, tornando-se o primeiro superstar homem do mundo da dança desde Vaslav Nijinsky, vindo a morrer de SIDA.

1976 Foi há 45 anos o ‘levante de Soweto’, uma das mais sangrentas rebeliões negras durante a vigência do apartheid na África do Sul.

1991 Foi criado há 30 anos o Instituto de Desenvolvimento e Inspecção das Condições de Trabalho, a partir da Inspecção Geral do Trabalho, lançada em 1983.

2017 A Rússia garantiu há 4 anos ter morto o líder do Estado Islâmico num ataque aéreo a um local onde estavam reunidos líderes do grupo extremista, em Raqqa, na Síria.

2020 Pelo menos 20 soldados indianos foram mortos há 1 ano, no primeiro confronto mortal na fronteira entre a China e a Índia em 45 anos, no Vale de Galwan, Himalaia