Sociedade

Pessoas vacinadas com AstraZeneca começam hoje a ser chamadas para receber segunda dose

O anúncio surge no mesmo dia em que a Direção-Geral da Saúde (DGS) atualizou uma norma sobre a administração da vacina da AstraZeneca, que reduz de doze para oito semanas o intervalo entre a toma da primeira e da segunda dose.


Os utentes vacinados com a primeira dose da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca começam a ser chamados, esta quinta-feira, para receber a segunda dose, anunciou a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, no final da reunião do Conselho de Ministros.

O anúncio surge no mesmo dia em que a Direção-Geral da Saúde (DGS) atualizou uma norma sobre a administração da vacina da AstraZeneca, que reduz de doze para oito semanas o intervalo entre a toma da primeira e da segunda dose. O objetivo é garantir “mais rápida proteção” face às novas “variantes de preocupação”.

"A norma entrou em vigor hoje e, a partir de hoje, as pessoas serão contactadas para antecipar das 12 para as 8 semanas os seus agendamentos, o que permitirá acelerar a proteção das pessoas que ainda só tinham uma dose", revelou a ministra na conferência de imprensa.

"É na tentativa de mais uma vez, também não de acordo com o previsto, mas antecipando aquilo que estava previsto, que tomamos esta medida", acrescentou.