Internacional

Bolsonaro diz que contrair covid-19 é mais eficaz do que a vacina e que usar máscara dentro do carro pode causar acidentes

Presidente brasileiro voltou a fazer declarações acerca do novo coronavírus sem fornecer qualquer prova ou citar qualquer estudo. 


Bolsonaro voltou a ser protagonista de mais uma declaração polémica sobre a pandemia. Desta vez, perante milhares de espetadores que assistiam a uma transmissão em direto no Facebook, o Presidente do Brasil afirmou que contrair o novo coronavírus confere uma imunização mais eficaz do que a vacina.

“Eu já me considero --- eu não me considero não, eu estou --- vacinado, entre aspas. Todos os que contraíram o vírus estão vacinados, até de forma mais eficaz do que [com] a própria vacina. Então, quem contraiu o vírus, não se discute, esse está imunizado”, afirmou o chefe de Estado brasileiro.

Mas Bolsonaro não ficou por aqui e voltou a criticar o uso obrigatório de máscara, dizendo que a utilização do equipamento de proteção individual dentro de veículos fechados pode causar acidentes.

“Tem médico aqui? O CO2 não leva ao sono? Não ajuda você ficar com sono? É que o cara [cidadão] está com a máscara, carro fechado, ele respirando ali, vai ter uma oxigenação menor no seu corpo, não precisa ser médico para dizer isso aí. Isso pode levar a acidentes”, atirou.

Note-se que o Brasil continua a ser um dos países mais afetados pela pandemia a nível mundial e soma já mais de 496 mil mortes devido à covid-19 e 17,7 milhões de infetados.