Sociedade

Grande Lisboa com quase 900 novos casos de covid-19

Incidência dispara no terceiro dia consecutivo acima dos mil contágios.


Portugal registou, nas últimas 24 horas, 1.298 casos do novo coronavírus, terceiro dia consecutivo com mais de mil infeções, e quatro vítimas mortais, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), divulgado esta sexta-feira. O país soma agora um total de 862.926 diagnósticos confirmados desde março de 2020.

No mesmo período ocorreram quatro óbitos associados à doença, três na região de Lisboa e Vale do Tejo e um no Alentejo, elevando assim o número de vítimas mortais da pandemia para 17.061.

Em relação à distribuição geográfica dos contágios, Lisboa e Vale do Tejo continua a registar o número mais elevado, com mais 862 infeções, ou seja cerca de 66% do total de novos casos. Segue-se o Norte com mais 194 diagnósticos positivos, o Algarve, em tendência crescente como alertou, esta sexta-feira, o i. Em terceiro surge o Centro do país com mais 76 contágios, e depois o Alentejo com 39. Os Açores reportaram 27 infeções e a Madeira 12.

O número de internados com covid-19 está cada vez mais próximo das quatro centenas, estando agora hospitalizadas 391 pessoas com sintomas da doença, mais 27 do que na véspera. Nos cuidados intensivos encontram-se 94 infetados, mais seis do que ontem.

Os valores do rácio de transmissibilidade (RT) e da incidência de novos casos foram atualizados pela DGS, como é habitual às sextas-feiras, tendo a incidência no território nacional disparado, passando de 91 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, para 100,2 casos por 100 mil habitantes. Tendo em conta apenas o continente, o valor é o mesmo, quando na atualização anterior era de 90,5.

O Rt nacional é agora 1,14 no na quarta-feira era de 1,12, no continente passou de 1,13 para 1,15.

A DGS atualizou também os dados dos concelhos, havendo agora  40 municípios, a semana passada eram 22, acima do limite, incluindo Lisboa que regista uma incidência de 306 caos por 100 mil habitantes.

Segundo relatório da DGS, o concelho em situação mais grave é Odemira (506 casos), seguido por Ribeira Grande (494) e Sardoal (374).

O total de recuperados subiu para 818.440, depois de mais 686 pessoas terem deixado de ter a doença ativa.

Atualmente existem no país 27.425 casos ativos de covid-19, e as autoridades de saúde têm sob vigilância 36.675 contactos.

Consulte o boletim na íntegra