Sociedade

Dezanove infetados em surto de covid-19 na prisão de Sintra

Os infetados estão assintomáticos mas foram encaminhados para o Hospital Prisional de São João de Deus. 


Um surto de covid-19 no Estabelecimento Prisional de Sintra infetou 19 reclusos, anunciou, esta quinta-feira, a Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP).

Em comunicado, a DGRSP revela foram testados 280 reclusos depois de terem sido detetados três contágios na ala B do estabelecimento prisional. “Os resultados finais da testagem fixa em 19 os reclusos com resultado positivo à Covid-19 no Estabelecimento Prisional de Sintra”, lê-se.

Os infetados estão assintomáticos mas foram encaminhados para o Hospital Prisional de São João de Deus. Os restantes, que testaram negativo, “permanecem em quarentena profilática, com suspensão de atividades e sob vigilância clínica, indo repetir-se a testagem nos prazos definidos pela saúde pública”.

No total, há 21 reclusos infetados em prisões portuguesas, num universo de 11.348, e um trabalhador dos serviços centrais da DGRSP, pelo que "prosseguirá com a campanha de vacinação da população reclusa que se prevê esteja concluída até ao final do presente mês de junho".