Economia

BCP vende filial suíça Banque Privée BCP

O valor da transação não foi revelado, mas banco lembra que “a concretização da transação está sujeita à verificação de condições habituais para a realização deste tipo de transação”. 


 O BCP acordou com o Union Bancaire Privée (UBP) a venda da totalidade do capital do banco suíço Banque Privée BCP. A informação foi avançada pela instituição liderada por Miguel Maya em comunicado à CMVM.

O valor da transação não foi revelado, mas banco lembra que “a concretização da transação está sujeita à verificação de condições habituais para a realização deste tipo de transação”, acrescentando que, "o impacto da transação nos rácios de solvabilidade do Grupo, estimado em base proforma a 31.3.2021, é de um aumento de 15 p.b. no rácio CET1 e de 16 p.b. no rácio de capital total".

A alienação do Banque Privée "permitirá ao Grupo BCP prosseguir a estratégia de enfoque de recursos e da gestão nas geografias core, potenciando o desenvolvimento destas e dessa forma a criação de valor para os stakeholders", conclui o comunicado.