Internacional

Polícia espanhol ficava com dinheiro de multas de trânsito

Agente arrecadou o dinheiro de seis multas, entre 200 e 600 euros. 


O Ministério Público espanhol pediu uma pena de seis anos e nove meses de prisão para um polícia dos Mossos d’Esquadra, suspeito de ficar com 1.501 euros em multas de trânsito, que recebeu em dinheiro.

De acordo com o La Vanguardia, a acusação detalha que o agente deixou de processar algumas multas, já recebidas em dinheiro, e noutros casos manipulou a folha de radar, para que parecesse que o infrator não tinha sido notificado da multa e por isso, o dinheiro não tinha sido recolhido.

Com base no livro de registos da esquadra de Mataró, em Maresme, o procurador do Ministério Público acusa o agente de ter arrecadado o dinheiro de seis multas, entre 200 e 600 euros, no valor total de 1.501 euros.

Além da pena de prisão, por bula e falsificação de documentos, o procurador pede ainda que o agente pague uma multa de 5.800 euros e que não possa desempenhar tarefas na função pública por seis anos e três meses.