Politica

Votou a favor do 'Relatório Matic'. Pizarro defende objeção de consciência

Eurodeputado votou a favor do relatório do Parlamento Europeu que recomenda a limitação do direito a objeção de consciência no aborto 


Manuel Pizarro – um dos eurodeputados socialistas, e médico, que votou a favor do relatório do Parlamento Europeu que recomenda a limitação do direito a objeção de consciência no aborto – garantiu ao Nascer do SOL ser «intransigentemente a favor do direito dos profissionais de saúde à objecção de consciência».

O socialista afirma que o relatório (que fica conhecido como Lei Matic) garante a salvaguarda desse direito, citando o artigo 36º do relatório em sua defesa. Explica que «os Estados, respeitando esse direito, têm que tomar medidas que garantam o acesso à interrupção voluntária da gravidez em condições médicas adequadas» e garante ter votado a favor disso e não contra a objeção de consciência. Acrescenta, ainda, que em Portugal isso já acontece «desde 2006» e que «desejaria que acontecesse em todos os Estados-membros».