Sociedade

Embaixador de Portugal na África do Sul aconselha portugueses a "ficarem em casa"

"Estruturas consulares estão alerta e a acompanhar proximamente a situação", garantiu o diplomata.


O embaixador de Portugal na África do Sul, Manuel Carvalho, aconselhou, esta terça-feira, os cerca de 450 mil portugueses no país a "ficarem em casa", sublinhando que as autoridades portuguesas estão "alerta" devido à violência em várias regiões do país.

"A comunidade deve seguir estritamente as recomendações das autoridades e agir com a maior precaução possível: se não precisar de sair, não saia de casa; e talvez sejam dias para não abrir as lojas ou outros estabelecimentos", apelou o diplomata.

As "estruturas consulares estão alerta e a acompanhar proximamente a situação", acrescentou Manuel Carvalho, numa mensagem que está ser divulgada através de vários grupos da rede social WhatsApp do movimento associativo português no país.