Internacional

Papa Francisco já deixou o hospital

Papa passou 10 dias internado. 

AFP
AFP
AFP

Após dez dias de internamento, na sequência de uma intervenção cirúrgica, devido a um problema no intestino, o Papa Francisco deixou, esta quarta-feira de manhã, o hospital Gemelli, em Roma.

O sumo pontífice, de 84 anos, foi visto a abandonar aquela unidade hospitalar numa viatura automóvel (Veja a fotogaleria).

Recorde-se que o porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni, revelou que o Papa Francisco foi operado “a uma estenose diverticular do cólon, problema provocado por pequenos sacos de tecido que se formam na parede do intestino”. A cirurgia, que provocou surpresa, já estava programada e durou cerca de três horas, no passado dia 4 de julho.

Antes, Francisco pronunciou a oração dominical do Angelus, na Praça de São Pedro do Vaticano, na qual anunciou a sua próxima viagem à Hungria e Eslováquia, de 12 a 15 de setembro.

No passado domingo, uma semana depois da cirurgia, o sumo pontífice apareceu pela primeira vez em público, através da janela do quarto onde estava internado. 

Sublinhe-se que esta foi a primeira hospitalização conhecida do Papa desde que, em 2013, foi eleito líder máximo da Igreja Católica.