Politica

Deputados aprovam relatório sobre audição da Ana Paula Vitorino

Votos a favor do PS, abstenções do Bloco de Esquerda e PCP e votos contra do PSD, PAN e CDS.

 


Os deputados da Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação aprovaram um relatório sobre a audição de Ana Paula Vitorino, que está indigitada para assumir a presidência da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT).

O relatório foi aprovado com os votos a favor do PS, abstenções do Bloco de Esquerda e PCP e votos contra do PSD, PAN e CDS.

O PSD reiterou as suas dúvidas sobre a independência de Ana Paula Vitorino para presidir à Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT), e classificou como “inédito e rocambolesco” o processo de indigitação. “Sim, está garantida competência técnica. Não, não está garantida a independência, idoneidade a isenção e imparcialidade da personalidade indigitada”, disse o deputado Carlos Silva.

Também o PAN considerou que o processo de indigitação de Ana Paula Vitorino está “ferido de conflito de interesses e de opacidade”. E acrescentou: “Este número que o PS decidiu fazer é uma das principais razões pelas quais as pessoas se afastam daquilo que é a política em Portugal e se refugiam no que são os discursos populistas e antidemocráticos”, afirmou o deputado Nelson Silva.