Sociedade

Eduardo Cabrita vai reunir-se com presidente da Câmara de Reguengos de Monsaraz em Lisboa

A reunião acontece depois do presidente da Câmara ter pedido uma audiência, de caráter urgente, a Eduardo Cabrita, devido à falta de “reforços de efetivos e de meios” da GNR naquela localidade.


O ministro da Administração Interna vai reunir-se na próxima terça-feira, dia 27 de julho, nas instalações do Ministério da Administração Interna (MAI), em Lisboa, com o presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz.

A reunião acontece depois do presidente da Câmara ter pedido uma audiência, de caráter urgente, a Eduardo Cabrita, devido à falta de “reforços de efetivos e de meios” da Guarda Nacional Republicana (GNR) em Reguengos de Monsaraz.

Este pedido vem em sequência dos desacatos que ocorreram na passada sexta-feira, junto a uma esplanada de um bar da cidade, que resultaram em três feridos, tendo sido atropelados pelo condutor de um automóvel, que abandonou a viatura momentos depois, indicam fontes da GNR e dos bombeiros.

De acordo com o comunicado divulgado pela autarquia de Évora, esta segunda-feira, o caso de violência destacou a “falta de efetivos” da GNR, considerando “fundamental” a identificação dos “infratores” e a abertura de “inquéritos”.

A GNR já informou, no sábado, que será instaurado um processo para averiguar a eventual responsabilidade disciplinar dos militares que atuaram naquela ocorrência.