Sociedade

Homem de 64 anos detido por capturar duas aves protegidas em Vila Nova de Gaia

Durante uma ação de patrulhamento, a GNR encontrou o detido, num terreno agrícola, “a capturar uma espécie autóctone protegida". 


Um homem de 64 anos foi detido, esta quarta-feira, por capturar e deter ilegalmente aves protegidas, em Vila Nova de Gaia.

Durante uma ação de patrulhamento, a Guarda Nacional Republicana (GNR) encontrou o detido, num terreno agrícola, “a capturar uma espécie autóctone protegida” pela “Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção (CITES)”, informa a GNR, em comunicado.

O indivíduo de 64 anos apanhou dois pintassilgos da espécie “Carduelis carduelis”, através de gaiolas de alçapão com um chamariz eletrónico, que as atraiu de imediato para a armadilha.

Os militares entregaram as aves ao Parque Biológico de Vila Nova de Gaia para “monitorização do seu estado de saúde e posterior libertação no seu habitat natural”, indica a autoridade.

O detido esteve presente a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Vila Nova de Gaia, para conhecer as medidas de coação tidas por adequadas.