Politica

Basílio Horta recandidata-se pelo PS a Sintra

Foi eleito pela primeira vez em 2013, com apoio dos socialistas, e quatro anos depois conquistou maioria absoluta. Anúnio oficial está marcado para hoje à noite.


O atual presidente da Câmara de Sintra, Basílio Horta, vai recandidatar-se ao cargo pelo Partido Socialista, nas eleições autárquicas, marcadas para setembro.

O autarca, antigo dirigente do CDS, foi eleito pela primeira vez presidente da Câmara Municipal de Sintra, pelas listas do PS, em 2013, quatro anos depois, nas autárquicas de 2017, foi reeleito, com maioria absoluta. Hoje, ao anunciar a recandidatura explica que quer continuar a “defender as pessoas e o património”.

Aliás o lema da candidatura prova isso mesmo: “Defender Sintra, as suas pessoas e o seu património”.

“É essa a razão pela qual me apresento, democraticamente, ao eleitorado. A caminho do futuro, com os pés no presente”, afirma o autarca, citado pela agência Lusa.

Basílio Horta faz questão de salientar que Sintra “vive hoje um novo ciclo e uma nova estratégia de desenvolvimento”, e promete a “construção de mais equipamentos de saúde, melhor mobilidade, requalificação do espaço público e mais zonas verdes e de lazer”.

Para o candidato, o trabalho do seu executivo camarário “está a melhorar a vida quotidiana de quem aqui vive, trabalha ou estuda, e será fundamental para gerações futuras. O novo hospital de Sintra, que irá ter inicio no próximo mês de agosto, é bem a prova desta capacidade de trabalho e dedicação a Sintra”.

O anúncio oficial da recandidatura de Basílio Horta à Câmara de Sintra está marcado para esta quinta-feira à noite, numa cerimónia que será transmitida pelo Facebook.

O município de Sintra conta já com seis candidaturas anunciadas: Ricardo Baptista Leite (PSD), Bruno Góis (BE), Pedro Ventura (CDU), Paulo Carmona (Iniciativa Liberal), Nuno Afonso (Chega) e Guilherme Leite (Nós, Cidadãos!).