Sociedade

Dois detidos por cultivo ilegal de canábis e suspeita de tráfico de droga nos Açores

Os suspeitos, de 52 e 60 anos, sem ocupação laboral conhecida, foram surpreendidos no interior de um terreno onde estavam mais de 70 plantas de canábis em fase adulta.


Dois homens, com 52 e 60 anos, foram detidos pela Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal dos Açores, por fortes indícios da prática do crime de tráfico de estupefacientes, no concelho de Vila Franca do Campo. Os suspeitos foram surpreendidos no interior de um terreno onde estavam mais de 70 plantas de canábis em fase adulta.

“As detenções ocorreram no concelho de Vila Franca do Campo, num contexto de flagrante delito, uma vez que os arguidos foram surpreendidos no interior de um vasto terreno, onde estavam mais de setenta plantas de canábis, em fase adulta”, explicou a PJ, em comunicado esta terça-feira divulgado.

No mesmo local, existia um sistema de rega e uma estufa, onde as plantas eram cultivadas numa fase inicial, sendo posteriormente transplantadas.

Os detidos, sem ocupação laboral conhecida, serão presentes às autoridades judiciárias competentes para efeitos de interrogatório e aplicação das medidas coativas tidas por adequadas.