Internacional

Pentágono reabre após tiroteio junto a estação do metro perto do complexo

Está a decorrer uma investigação policial nas imediações do edíficio norte-americano. 


O Pentágono foi fechado, esta terça-feira, depois de se terem ouvido disparos de tiros perto de uma plataforma da estação de metropolitano próxima do complexo norte-americano. O incidente foi confirmado pela Agência de Proteção da Força do Pentágono no Twitter. Segundo a agência France-Press (AFP), foi ativado o alerta máximo no edífcio. 

Porém, a Agência de Proteção da Força do Pentágono já indicou na mesma rede social que o edíficio foi reaberto, com algumas condicionantes. A situação está controlada, garantiram as autoridades norte-americanas, que confirmaram estar a decorrer uma investigação policial para apurar as circunstâncias do incidente. 

A polícia norte-americana pediu que as composições do metropolitano e do Metro Bus contornassem o edíficio, onde se encontra a sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, de modo a facilitar a investigação do caso. 

De acordo com duas testemunhas anónimas que assistiram aos disparos, pelo menos uma pessoa foi encontrada caída no chão, sem se saber se foi atingida ou não.

De acordo com a CNN, o incidente ocorreu na parte exterior de um prédio, perto da plataforma do Metro Bus, local por onde milhares de pessoas passam todos os dias. 

A AFP disse que os funcionários do edifício receberam indicações por altifalante para se manterem no interior do prédio, após os disparos. 

Notícia atualizada às 17h40