Internacional

Polícia abateu atirador junto ao Pentágono e um agente morreu esfaqueado

Está por esclarecer ligação entre tiroteio e esfaqueamento.


O Pentágono esteve em estado de alerta, esta quarta-feira, tendo sido encerrado, após terem sido disparados vários tiros perto do complexo que funciona como quartel-general das Forças Armadas dos EUA.

Pouco se sabe ainda sobre o incidente, mas as autoridades locais, citados pela imprensa internacional, adiantaram que o suspeito dos disparos foi abatido pelas forças de segurança norte-americanas, e que um agente policial também morreu depois de ter sido esfaqueado.

No entanto, a ligação entre o tiroteio, que teve início na estação de transportes que serve uma das entradas no Pentagon Transit Center, e o esfaqueamento ainda está por esclarecer.

O número de outras vítimas também ainda está por confirmar, um jornal local adiantou que "pelo menos três pessoas" foram atingidas a tiro e que duas delas estarão em estado grave.

Fonte oficial do Pentágono garantiu que serão prestados esclarecimentos numa conferência de imprensa a realizar ainda hoje.