Sociedade

Vacinação covid no Queimódromo do Porto suspensa devido a "falha na cadeia de frio"

Os utentes vacinados nos dias 9 e 10 de agosto serão contactados pelas autoridades de saúde.


A vacinação no Queimódromo do Porto foi suspensa, anunciou esta quinta-feira a task force da vacinação contra a covid-19.

A decisão foi justificada devido a "uma alegada falha na cadeia de frio", justificou, em comunicado, a entidade liderada pelo vice-almirante Gouveia e Melo, que adiantou também que se irá proceder a “uma averiguação do cumprimento das normas e procedimentos em vigor".

"Os utentes vacinados nos dias 9 e 10 de agosto serão contactados pelas entidades de saúde, até a próxima semana", informa ainda a task force, acrescentando que "não é expectável que a falha ocorrida no processo de conservação tenha impacto na saúde dos utentes".

O Infarmed está a acompanhar a situação e "na eventualidade de existir alguma suspeita de reação adversa, esta deve ser comunicada através do Portal RAM".

Os agendamentos previstos para vacinação no Queimódromo do Porto serão reagendados para outros centros.