Sociedade

Homem é apanhado a violar confinamento obrigatório em Arouca e acaba detido

Factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Arouca.


Um homem, de 60 anos, foi detido pela GNR, esta quinta-feira, no concelho de Arouca, por violação do confinamento obrigatório a que estava sujeito, no âmbito da pandemia.

A força de segurança informa, em comunicado, esta sexta-feira, que na sequência de uma ação de verificação das medidas de confinamento obrigatório decretadas pela autoridade de saúde, os militares “constataram que o visado se tinha ausentado do domicílio”. No decorrer das diligências policiais “apurou-se que o suspeito se tinha deslocado a outra freguesia do concelho, motivo que levou à sua detenção”.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Arouca.

A GNR recorda que a violação do confinamento obrigatório constitui crime de desobediência.