Sociedade

GNR fiscaliza 112 condutores em ação de prevenção de corridas ilegais nas autoestradas em Aveiro

Uma das pessoas fiscalizadas foi detida por suspeita de condução sob efeito de álcool. 


A Guarda Nacional Republicana (GNR) fiscalizou, este sábado, 112 condutores numa operação de prevenção e combate à criminalidade na área de serviço de Aveiro, na Autoestrada 25 (A25) e na área de serviço de Vagos, na Autoestrada 17 (A17).

Na sequência da prevenção de corridas ilegais, os militares, em comunicado, fiscalizaram 112 pessoas, das quais um suspeito foi detido por condução sob o efeito de álcool.

“Foram ainda apreendidas 24 doses de haxixe e dez veículos por alterações às características construtivas, tendo sido notificados os proprietários para submeterem as viaturas a inspeção extraordinária”, destacou a autoridade na nota divulgada esta terça-feira.

Esta operação também elaborar vários autos de contraordenação: 12 por posse de estupefacientes e vários outros relacionados com pneumáticos, falta de seguro de responsabilidade civil, uso indevido do telemóvel no exercício da condução, veículo não matriculado e transformação de veículos.

A ação envolveu o destacamento de trânsito e destacamento de Intervenção de Aveiro e dos destacamentos territoriais de Águeda e de Anadia, aponta o comunicado.

A GNR realça que se mantém vigilante “para que seja possível prevenir e reprimir eventos que ponham em causa o direito de circulação dos cidadãos e que atentem contra a segurança rodoviária de todos os utentes da via pública”.

Os comentários estão desactivados.