Sociedade

Variante Delta domina contágios em todas as regiões de Portugal

De acordo com o relatório do INSA , entre 9 e 15 de agosto, a sublinhagem Delta Plus tem "mantido uma frequência relativa abaixo de 1%" desde 14 a 20 de junho. 


A variante Delta do SARS-Cov-2 foi a estirpe que dominou por completo todos os contágios na semana entre 9 e 15 de agosto. Segundo o relatório do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), esta variante “apresenta uma frequência relativa de 100% na semana 32 em todas as regiões”. Note-se que, na semana passada, a frequência desta variante no país era de 99,5%.

Quando ao total de sequências da variante Delta analisadas, 66 apresentam a mutação adicional K417N na proteína Spike (sublinhagem AY.1). "Esta sublinhagem [conhecida também como 'Delta Plus' tem mantido uma frequência relativa abaixo de 1% desde a semana 24 (de 14 a 20 de junho)", sublinhou o relatório do INSA.

Já em relação aos dados sobre a frequência relativa das variantes Beta (B.1.351) e Gamma (P.1), associadas inicialmente à África do Sul e ao Brasil (Manaus), "mantém-se baixa e sem tendência crescente", uma vez que não foi diagnosticado nenhum caso da primeira desde a semana 30 (de 26 julho a 1 agosto) e apenas dois casos da segunda na semana 31 (de 2 a 8 agosto).

Não foram registados novos casos da variante Lambda (C.37), a qual se refere à estirpe que circula no Peru e Chile, informou ainda o INSA.

De realçar que, até à data, o INSA analisou 14.748 sequências do genoma do novo coronavírus, obtidas por colheitas “em mais de 100 laboratórios, hospitais e instituições, representando 300 concelhos de Portugal”.

A equipa de monitorização contínua da diversidade genética do vírus do INSA tem vindo a analisar por média 565 sequências por semana desde o início de junho deste ano, “provenientes de amostras colhidas aleatoriamente em laboratórios distribuídos pelos 18 distritos de Portugal continental e pelas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, abrangendo uma média de 121 concelhos por semana”.

Os comentários estão desactivados.