Desporto

Jogador do Manchester City detido por violação e abuso sexual

As "acusações são relativas a três queixosas com mais de 16 anos" e os crimes terão ocorrido, "alegadamente, entre outubro de 2020 e agosto de 2021". Jogador foi suspenso pelo clube britânico.


Benjamin Mendy, lateral francês que joga pelo Manchester City, foi, esta quinta-feira, detido e acusado de quatro crimes de violação e um de abuso sexual. O clube inglês já emitiu um comunicado.

Segundo as autoridades britânicas, “a procuradoria real autorizou a polícia de Cheshire a acusar um homem devido a acusações de crimes sexuais”. “Benjamin Mendy, de 27 anos, foi acusado de quatro crimes de violação e um de abuso sexual”, acrescenta a nota.

A polícia de Cheshire adianta que “as acusações são relativas a três queixosas com mais de 16 anos” e os crimes terão ocorrido, “alegadamente, entre outubro de 2020 e agosto de 2021”.

O Manchester City emitiu um comunicado, onde revelou que o jogador foi suspenso enquanto a investigação decorre.

"O Manchester City pode confirmar que, após ter sido chamado hoje pela polícia, Benjamin Mendy foi suspenso do clube até esta investigação decorrer", começam por dizer os citizens, numa nota publicada no seu site oficial. "O assunto está agora sujeito a um processo legal e o clube não pode, portanto, tecer mais comentários até que este processo esteja concluído".